quinta-feira, 13 de outubro de 2016

"A beleza real toca o coração"


O tópico desta mensagem é acerca dos famosos anúncios da Dove.
Recentemente a Dove lançou uma experiência que envolveu participantes masculinos portugueses onde primeiro passa uma sequência de imagens de modelos jovens e fabricadas para eles irem reagindo e depois passam imagens correspondentes aos familiares de cada homem.
O anúncio é confuso e uma treta completa!Se calhar eles já sabiam que as fotos delas iam ser exibidas num ecrã gigante,ou seja,foi uma surpresa combinada.Esses elogios não valem pelos motivos óbvios,beleza real tem de ser com mulheres anónimas e não do convívio próximo.
Ao menos as fotos podiam ser expostas a todos os participantes para manifestarem a opinião e ouvirem o que se acha de cada elemento feminino,acaba por se ver na mesma através do vídeo só não dá para interagir.Era uma excelente maneira de amadurecer por ser um tema que mexe com toda a gente...o ambiente foi intimista e individualista;desta vez a ideia falhou da equipa criativa e os participantes seleccionados também não representam as camadas baixas da sociedade,aparentam ter habilitações académicas superiores.
Contudo a marca não deixa de ser uma inspiração para frisar o público do quanto o enaltecimento por vezes muda o dia de alguma mulher.
Este anúncio podia ser melhor e incluir minorias étnicas mas é impossível haver essa abertura,ainda existe preconceito neste país ironicamente da Dove,marketing destinado às "modelos" comuns.
Eles deviam ter dito como fizeram o casting,isso não se deve ocultar quer as pessoas sejam curiosas ou não.
O conceito baseia-se em realçar os atributos físicos e únicos do alvo feminino e eles expressaram no sentido emocional,tiveram dificuldades em traduzir aquilo que pensavam,não foram críticos foram mais visuais,típico da espécie masculina...a natureza é diferente e é preciso ter em conta de que não significa que eles estejam certos,pelo contrário,é a programação biológica.
Por exemplo,na senhora chinesa o irmão devia dizer que ela tem uma beleza exótica incomparável,o pai da menina não disse que ela é bonita e meiga e na senhora ruiva devia ter dito que tem um cabelo atraente.
A missão da marca é romper essa barreira que impede milhares delas de serem felizes e de aceitarem as suas características naturais,sentindo oprimidas pelos padrões impingidos diariamente pela indústria da moda.
A beleza aparece em várias formas,estaturas,nacionalidades,cores e idades estereotipar e favorecer só as magras não adianta de nada.
O slogan transmite irrealidade:"a beleza real toca o coração" só porque as batidas foram monitorizadas?
A Dove é que decidiu relacionar,se fosse verdade não ia haver problemas de inseguranças.
A equipa devia lançar um outro estilo de publicidade com mais diversidades de participantes femininos a descreverem os produtos da Dove.Os auto-retratos são batidos à exaustão que até perderam a graça!
A beleza real não toca na alma,a marca apenas se aproveitou do facto de serem homens a participarem no desafio,tal vai muito além da beleza.Se estivessem a vender a gama masculina,aí era de concordar e entendia-se esse anúncio.
Concluindo a mensagem,as batidas do coração na publicidade não revelam um sentimento pelo aspecto do familiar:o objectivo no fundo se distanciou.

Sem comentários:

"O discurso é o rosto do espírito." Séneca
"A vida é uma simples sombra que passa (...);é uma história contada por um idiota,cheia de ruído e de furor e que nada significa." William Shakespeare
"O homem que não tem vida interior é escravo do que o cerca" Henri Amiel
"É bom escrever porque reúne as duas alegrias: falar sozinho e falar a uma multidão" Cesare Pavese .