domingo, 29 de maio de 2016

30 conselhos sobre a vida que nunca contaram

Saudações sombrias!
O tópico desta crónica é sobre os conselhos que os pais geralmente não contam,sendo no entanto verdadeiros segredos desvendados e talvez úteis numa altura tão caótica.
Após constatar que praticamente não há abordagem em relação ao assunto,chegou finalmente o momento certo de publicar uma lista de conselhos sobre a vida e de dissertar.
Aí seguem enumerados.
1 - Afastar das pessoas que não olham a meios para atingir os fins.Um alpinista social (não confundir com oportunista) deve obedecer às ordens,há uma estrutura hierárquica e acima de tudo ética na empresa.Chegar ao topo da pirâmide e ser bem-sucedido tem de ser por vias legais e não por ambição;

2 - Ignorar fofoqueiros,gente negativa,manipuladora e os que aparecem para julgar é o caminho mais eficaz para o optimismo e nem sempre é fácil evitar,a base é ter estofo;

3 - O conceito de felicidade é subjectivo;

4 - Pais conservadores só vão deixar os filhos em paz ou parar de falar mal quando eles forem independentes,até lá têm de ser submissos,tentar se entenderem e conviver com os dias de tormento;

5 - A realidade é muito além daquilo que se apresenta,há filosofias e correntes a serem questionadas;

6 - Pessoas mais duras/solitárias muitas vezes precisam de afecto ou de simplesmente serem compreendidas;

7 - Não existe o trabalho ideal;

8 - Os pais são seres humanos que também fazem más escolhas,cometem erros,andam mal-informados e não são deuses a serem adorados mas infelizmente a maioria não admite;

9 - A vida torna-se mais leve quando há alguém com quem partilhar alegrias e risos;

10 - Não se deixar enganar por movimentos sociais;

11 - Os filhos não têm culpa do passado da família,devendo procurar serem livres e diferentes;

12 - A universidade (e o diploma) não torna ninguém superior aos outros.Só acrescenta habilitações académicas no currículo e nem sequer dá garantias de ser um profissional competente,há poucas hipóteses de o vir a ser,o resto só vai para usufruir da autoridade.Portanto,não prova absolutamente nadíssima;

13 - "Engolir sapos" e reprimir o choro,causa depressão e sintomas associados aos transtornos mentais;

14 - Gerir uma série de compromissos deixa as pessoas com stress e traz problemas de memória.Convém ter prioridades e tentar eliminar as tarefas supérfluas,semelhante ao ponto anterior;

15 - O respeito é para quem merece,independentemente da faixa etária,estrato social ou estatuto;

16 - Não se deve aceitar as imposições com passividade,em casos extremos é preciso agir;

17 - As influências não fazem sentido em adultos e são ridículas:há que ter bom-senso e consciência dos modelos em que se encaixa;

18 - Um relacionamento duradouro é valioso:se tudo origina discussões intermináveis,é melhor optar por ficar solteiro porque muitos são maleducados,sem escrúpulos e os desgostos prejudicam a auto-estima;

19 - A escola só testa a capacidade de memorização,ou seja,tudo se resume em decorar matérias e despejar nos testes onde os professores são controlados pelos manuais,o ensino é limitado e as notas não reflectem a inteligência;

20 - A idade não é sinónimo de maturidade,o comportamento revela como são as pessoas;

21 - As amizades vão-se perdendo à medida que os membros vão realizando os seus projectos pessoais e traçando o futuro...todos estão de passagem e manter a individualidade é fundamental na relação para o desapego não ser doloroso;

22 - Não se deve deixar que o trabalho sugue a energia e escravize,há que reservar um tempo para descontrair,distrair e estar em sintonia com o eu interior;

23 - Nem sempre os amigos vão estar disponíveis e além disso eles têm o seu círculo de amizades privado.A confiança não pode ser forçada,pois cada um sabe dos motivos que levam a permanecer ou a se desfazer dos laços;

24 - Pessoas exibicionistas e com sede de aprovação geralmente são narcisistas;

25 - O carácter não muda na velhice,ou seja,se a pessoa foi simpática na juventude,sempre será assim;

26 - Vai-se encontrar mais pessoas para baralhar do que para guiar;

27 - Fazer comparações com alguém próximo é típico de gente invejosa,egoísta e pobre de espírito;

28 - A corrupção e a hipocrisia começa na sociedade e em casa e não no governo que denigre os princípios;

29 - A natureza é traiçoeira:há pais feios com filhos bonitos,pais gordos com filhos magros e saudáveis (e vice-versa),homens mais fracos que crianças,mulheres fortes como homens,jovens mais sofridos que os idosos e licenciados mestres em vazio cerebral.O destino é irónico e as catalogações por vezes são falsas;

30 - Se a cabeça não está aberta para aprender e acompanhar as constantes mudanças em vários níveis sócio-culturais e históricos,o fosso entre gerações vai prevalecer.

Estes foram os trinta conselhos sobre a vida que os pais não contam.
Não foi difícil de determinar.A lista revela aquilo que nunca foi transmitido pelos ditos mais velhos,exactamente as linhas mais importantes a serem retidas.
Salientando os pontos 21 e 23,actualmente quando um amigo deixa de correr atrás de alguém infelizmente significa que perdeu o interesse...é o retrato do que se passa com inúmeras pessoas à volta do mundo ou então vão arranjar pretextos para o outro não se preocupar ou ficar triste,por aí pode-se deduzir como eles são.
No ponto 4 por exemplo,é aquela velha expressão:"enquanto viver debaixo do mesmo tecto,as regras são dos pais" mas lentamente tudo se vai ajeitando e quanto ao ponto 5,até os filmes estão carregados de más referências como "O sexo e a cidade" e a personagem irritante de Bridget Jones.
Concluindo a mensagem,há conselhos de ouro.

Sem comentários:

"O discurso é o rosto do espírito." Séneca
"A vida é uma simples sombra que passa (...);é uma história contada por um idiota,cheia de ruído e de furor e que nada significa." William Shakespeare
"O homem que não tem vida interior é escravo do que o cerca" Henri Amiel
"É bom escrever porque reúne as duas alegrias: falar sozinho e falar a uma multidão" Cesare Pavese .