terça-feira, 1 de abril de 2014

Dicionário de insultos

Foi lançado um dicionário com mais de quinhentas palavras e expressões portuguesas difamatórias e seus significados.
A notícia é recente mas o dicionário pelo que vi, já existe à venda há muitos anos.
Não entendo porque é que esta matéria não circulou pelo resto da imprensa,sendo essa uma das únicas fontes!
Bom,pelo que se lê na entrevista,apenas fala-se no geral asneiras que cairam em desuso,outras que actualmente são elogios (para quem viu o vídeo),de como foram sofrendo alterações e de como entraram no vocabulário.
Enfim,dá para ver que foi mais uma publicidade ao dicionário que uma notícia!
Tirando esta parte,lembrar de editar um dicionário de insultos é incabível.
As asneiras também têm histórias sim mas daí meter uma compilação à venda,vai uma grande diferença,até porque serão sempre censuradas (no trabalho e na escola) e não passam disso nem têm teor pedagógico.
Não vejo nenhum professor a distribuir testes aos alunos pedindo conhecimentos sobre insultos,como por exemplo,dizer a origem da palavra cabrão...é insólito e estupidamente inconveniente!
Há cada uma...

Sem comentários:

"O discurso é o rosto do espírito." Séneca
"A vida é uma simples sombra que passa (...);é uma história contada por um idiota,cheia de ruído e de furor e que nada significa." William Shakespeare
"O homem que não tem vida interior é escravo do que o cerca" Henri Amiel
"É bom escrever porque reúne as duas alegrias: falar sozinho e falar a uma multidão" Cesare Pavese .