quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Homens modernos e homens antiquados

Mortíssimas saudações!
Há já um longo tempo,tenho andado a observar as diferenças entre um homem americano e um português e agora chegou finalmente a altura de eu lançar a mensagem.
Antes de mais,só deixo esclarecido que as comparações são somente no sentido físico e baseado naquilo que sei.
Definir estes dois tipos de homens,não é difícil:o homem antiquado tem educação limitada e o moderno é o oposto.
Os homens portugueses no geral antes dos 30 já estão caducados:são calvos,têm barriga,ar de velho,são descuidados com a imagem,vestem roupas de provinciano bimbalhão,possuem uma total falta de educação e sentido de humor,fazem penteados desfavoráveis,têm maus hábitos alimentares,usam meias rotas e por vezes calçado miserável,chegando a parecerem desgraçados.
É como se ser metrossexual fosse só um privilégio dos que têm poder financeiro.
Também são fracos,bastante secos de amor-próprio(até mesmo se forem bonitos),são grandes machistas e as conversas são uma lástima.(irónico quando vem de gente jovem)
Para além de serem feios,ficaram parados no tempo das cavernas,pois reagem mal a mudanças evolutivas.
Do homem americano,apenas posso descrever fisicamente.
Pela quantidade de fotos que observei,não me importo de repetir que eles são os deuses gregos cá na Terra...eles são bastante excitantes sem serem vulgares!!!
Os homens americanos são loirinhos,atléticos,metrossexuais,bastante sorridentes,modernos,possuem olhar penetrante,têm ar de menino-homem e estatura certa.
Não sei como são no resto mas li algumas vezes por aí,a dizer que são homens ideais.Acredito que tenham mentalidade aberta,que são directos e que tenham classe.
Não tenho conhecimento de como é a cultura norte-americana nem de quais países são propriamente provenientes esse tipo de homens,só sei que para chegar a existir um site,é porque a América é uma indústria de homens podres de sexy.
É verdade sim que uma pessoa depende muito da instrução e dos valores que recebeu mas principalmente trata-se de uma questão com grande influência sócio-cultural de um povo.
Por outro lado,isto depende da qualidade de vida da pessoa ou de um país.
O típico homem português orgulha-se de não ser higiénico:gosta muito de ser arrogante,sujo e antiquado.Mal têm neurónios e um corpo em condições e ainda se acham que estão no pedestal da beleza masculina.
Mesmo que se diga o contrário,eu aposto que se passasse um loiro vistoso e independente,uns iriam pararem para ficar babados e outros iriam arder de inveja,pois um homem moderno destaca-se perfeitamente do resto da sociedade.
É como se diz frequentemente:"procura-se lá fora,o que não se tem lá dentro" (seja o que for) e espero que qualquer dia se torne provérbio.

Sem comentários:

"O discurso é o rosto do espírito." Séneca
"A vida é uma simples sombra que passa (...);é uma história contada por um idiota,cheia de ruído e de furor e que nada significa." William Shakespeare
"O homem que não tem vida interior é escravo do que o cerca" Henri Amiel
"É bom escrever porque reúne as duas alegrias: falar sozinho e falar a uma multidão" Cesare Pavese .