sábado, 10 de novembro de 2012

A moral dos contos de fadas da Disney

Quando se aproxima a época natalícia,é comum fazerem alusões a filmes para crianças,publicidade aos cinemas com desenhos animados a 3D para toda a família e como é tradição,todos os anos é lembrado principalmente os velhos contos de fadas da Disney.
Caso não saibam,para cada uma das histórias de encantar,há uma lição de moral que é transmitida:
- a branca de neve transmite-nos uma grande lição de moral muito útil:a de que não se pode confiar em ninguém porque nem todos realmente são como dizem ser.A bruxa tentou todos os meios para ela não casar com o princípe por ser considerada a mais bela,oferecendo até uma deliciosa e suculenta maçã envenenada que poderia ter sido fatal e do qual ela acreditou que nada ia acontecer e que se estava a dizer a verdade,depois de ter visto sido trincada (uma maçã boa);
- Pocahontas ensina-nos que o amor pode surgir entre duas pessoas interraciais e que se deve ter em conta isso também:ela era uma índia que vivia sozinha na natureza e do qual um guerreiro americano ficou perdidamente atraído por ela enquanto vagueava pelo bosque.Mais tarde,ele viu que ela era diferente dos outros índios mas Pocahontas receou pela sua vida,uma vez que os americanos atacavam e odiavam as tribos e não tinham boas intenções;
- a bela e o monstro diz-nos que numa relação o aspecto físico de alguém pouco importa.O monstro simboliza o homem rejeitado por ser feio e que aprendeu também a ser "frio" mas Gabrielle foi a única que conseguiu vê-lo com o coração que ele no fundo é bondoso e fê-lo despertar para o amor e para os sentimentos mais lindos que ele não sabia demonstrar;
- a Cinderella foi escolhida pelo princípe porque ele no dia seguinte ao baile,viu o que um sapato perdido nas escadas do palácio pertencia ao pé da mesma,depois de ter sido experimentado em todas as mulheres do reino.Ela era uma menina maltrada pela madrasta e pelas irmãs por ser criada interna e andar mal-vestida mas ao casar com o princípe,ela viu o sonho tornar-se realidade o que significa que nunca se deve deixar de sonhar.
- a seguir,temos a história de entrelaçados:esta é a única que não percebi o que significa...só sei que a Rapunzel nunca tinha cortado o cabelo e que até servia como corda para o princípe a visitar,trepando pela torre.
Eu acho que simboliza a mulher que é invejada por ter um atributo que faz encantar um homem do qual todos julgam que é físico mas é outra coisa que ninguém sabe o que ela é capaz de fazer.
- A lição da princesa e do sapo é a de que é possível haver casamento entre duas pessoas de classes sociais opostas:Tiana era empregada de mesa de origem humilde que sofreu no passado por ser pobre e Naveen um homem rico e mimado que nunca teve problemas e frequentava o bar dela.A parte em que ele se transforma em sapo,simboliza o membro rico do casal em dificuldades e que o outro é obrigado a ajudar e enfrentar os obstáculos (apesar de ser rebaixado por ser subordinado) para no fim provarem que gostam mesmo um do outro e não por causa das fortunas e do estatuto;
- a bela adormecida diz-nos que o amor aparece no momento certo:depois de Aurora ter sido picada por uma flôr que a fez dormir por 16 anos,a única cura para acordar era o beijo do tão esperado princípe.Este não a desistiu de a procurar nem se envolveu com outras donzelas quando soube da notícia até a encontrar e tudo se tornar colorido e alegre.O sono simboliza o tempo de espera para o amor verdadeiro,que tanto pode ser muito tempo como imediato e que no fim vai valer a pena;
- a moral de Aladino e Yasmin (árabes,simbolizam pessoas conservadoras) pelo que reti e penso que devo estar certa,é a de que a família nunca se deve meter ou influenciar a escolha dos filhos adultos.Não são os pais que devem decidir por eles o(a) noivo(a) ideal para se comprometerem mas sim deixar que tudo aconteça e a felicidade flua naturalmente.O génio da lâmpada simboliza os desejos recalcados do sub-consciente;
- a pequena sereia ensina-nos que quando se gosta de alguém,nada pode impedir de estar com essa pessoa,no amor um tem de se adaptar ao outro.Trocar a cauda pelos pés simboliza as pessoas que estão dispostas a se sacrificarem para estarem com o seu parceiro e serem felizes com a nova vida que vão ter;
- por último temos a história de Mulan.Mulan é uma gueixa japonesa que nos ensina que as mulheres não se devem comportar eternamente como "flores de estufa":é claro que se deve ter sempre um lado delicado e feminino como também aprender a ter um lado forte e de guerreira,porque não vai haver sempre um homem para proteger.
Depois de resumir a moral de cada conto de fada da Disney,digam-me o que isto tem de infantil como toda a gente diz,comparando com os desenhos animados modernos que só servem para fascinar o público infanto-juvenil com ilusões,grande parte deles degradantes.
A única desvantagem dos clássicos é o facto de fazerem acreditar que existe alguém certo para cada pessoa...na realidade apanha-se e descobre-se que há mais casos de desgostos e compromissos de faz-de-conta que histórias de sentimentos verdadeiros!!!

Sem comentários:

"O discurso é o rosto do espírito." Séneca
"A vida é uma simples sombra que passa (...);é uma história contada por um idiota,cheia de ruído e de furor e que nada significa." William Shakespeare
"O homem que não tem vida interior é escravo do que o cerca" Henri Amiel
"É bom escrever porque reúne as duas alegrias: falar sozinho e falar a uma multidão" Cesare Pavese .