segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Bruxas:antes e depois

Morta tarde!
As bruxas são uma mítica figura feminina que fizeram parte das histórias encantadas e contos infantis ao longo de várias gerações.
Sempre foram descritas como sendo velhas,narigudas,muito feias,de pele enrugada,cabelo comprido,grisalho com chapéu cónico e grande,vestida de preto que voava numa vassoura ao luar e tinha um gato preto,fazia magia num caldeirão,tinha riso maquiavélico,amaldiçoava pessoas e que acima de tudo,assustava crianças.
Nos tempos modernos,as bruxas sofreram grandes alterações:na ficção,uma bruxa é retratada como sendo uma mulher bem-parecida ou jovem e atraente,com uma grande dose de maldade do qual o seu único objectivo é a vingança de um passado amoroso infeliz,destruindo a vida do amado,que como é lógico,acaba sempre por ser derrotada,ou então,trata-se de uma mulher que lança feitiços para salvar algo ou alguém ou que não olha a meios para atingir os fins;já nas artes pictóricas,uma bruxa continua a ser considerada a figura feminina formosa,posada com uma vassoura ou a deter poderes ocultos,vestida de forma provocante,com maquilhagem carregada,ar rebelde e de cabelo comprido e esvoaçante.
Eu penso que a imagem actual da bruxa,retrata mulheres dominadoras e de espírito competitivo que está associada ao imaginário inconsciente masculino.

Sem comentários:

"O discurso é o rosto do espírito." Séneca
"A vida é uma simples sombra que passa (...);é uma história contada por um idiota,cheia de ruído e de furor e que nada significa." William Shakespeare
"O homem que não tem vida interior é escravo do que o cerca" Henri Amiel
"É bom escrever porque reúne as duas alegrias: falar sozinho e falar a uma multidão" Cesare Pavese .