sexta-feira, 30 de abril de 2010

Como tudo começou

Eis a história deste blog:

tudo surgiu através de uma ideia que tive em partilhar factos do dia-a-dia e também pela necessidade de crítica.
Ter um diário não era suficiente...ou seja,no diário escrevo coisas secretas,no blog,coisas para todos lerem e partilharem opiniões.
O nome do endereço pode-vos parecer esquisito mas é que quando eu criei não tinha imaginação para pôr um nome...perceptível,digamos nem sabia o que era um blog,só fiquei a saber quando apareceram bloguistas portugueses na televisão a dizer que a comunidade em língua portuguesa na blogosfera é pequena.
"Netspice" pelo meu lado girly (era para pôr um mais ousado) e "vidasombria" (então este nome é que odeio mesmo,é repugnante!) porque comecei precisamente...gótica,tinha uma mente assombrada,eu andei durante um certo tempo (no blog também) meio deprimida.
Agora vejo que este nome não faz sentido nenhum. (mas também não se fez luz na minha mente,nem foi porque deixei de gostar do oculto.Não,nada disso) E se eu o alterar vai-se todos os comentários.
O blog também tinha um visual gótico:fundo preto,letras a lilás e outros campos com letras de cores meio berrantes e nojentas.
Nunca tive o título fixo.O último que eu saiba era silêncio no escuro e tinha cruzes nas extremidades.
Cheguei à brilhante conclusão que o estilo que tinha não era fixo...percebi isso recentemente! :S
Como viram houve uma mudança radical.
E foi assim que nasceu o meu mundo.

4 comentários:

Tahiana Andrade disse...

Muito legal conhecer a história de seu blog... principalmente porque gosto dele e, conhecer um pouco desse seu lado versátil e eclético desperta mais curiosidades.
A ideia de modificar sempre o título de seu blog é interessante pois demonstrará o momento em que você vive, todavia, manter o mesmo nome faz com que os leitores lembrem-se mais facilmente do que estão lendo.
Tenho uma sugestão: você pode deixar um nome fixo e mudar apenas os subtítulos!

Ah, falando em mudanças, você já viu as odificações lá do Idiotizando?
Passa lá!

Beijos

AVOGI disse...

Olá Isilda, vim cá retribuir a visita ao meu blogue, olha entrei aqui sem pedir licença mas a porta estava aberta. ,aproveito para dizer que vou-me fazer seguidora do teu espaço porque é leve, dinamico e por ser simples. obrigada pela tua visita e volta sempre. kis :)

Isilda disse...

de nada avogi.
:)

Marco Gomes disse...

É sempre bom saber que ao longo da nossa vida vamos sofrendo mudanças, umas vezes para melhor e outras nem por isso. Mas fico feliz por perceber que deixaste um pouco a sombra e que fizeste como os lagartos, que tas ao sol. jokas

"O discurso é o rosto do espírito." Séneca
"A vida é uma simples sombra que passa (...);é uma história contada por um idiota,cheia de ruído e de furor e que nada significa." William Shakespeare
"O homem que não tem vida interior é escravo do que o cerca" Henri Amiel
"É bom escrever porque reúne as duas alegrias: falar sozinho e falar a uma multidão" Cesare Pavese .